A EXPERIÊNCIA DA PEDAGOGIA DA VIAGEM NA FRONTEIRA BRASIL-URUGUAY

Luana Pavan Detoni, Lorena Maia Resende, Lorena Maia Resende, Rafaela Barros de Pinho, Rafaela Barros de Pinho, Eduardo Rocha, Eduardo Rocha

Resumo


No dia quatorze de março de dois mil e dezesseis, vinte e dois pesquisadores de diversas áreas do conhecimento percorreram, durante seis dias, a Fronteira Brasil-Uruguay como estrangeiros e errantes, em uma (i)lógica contínua. A partir da pedagogia da viagem, uma espécie de coexistência entre o pensar e o escrever, foi possível experimentar, descobrir e viver essa Fronteira, como um território do entre, da fresta, inventando novas relações, a fim de emergir relações ditas menores, desterritorializantes, e provocar novos encontros e acontecimentos. O processo da viagem perpassa três grandes etapas: a expectativa – que se refere aos antecedentes e preparativos da viagem; a experiência – etapa do acontecimento da viagem; e por fim o retorno –a reflexão que demarca novos inícios. Cada viajante possuía sua (i)metodologia de pesquisa para experienciar temas diversos, múltiplos e atravessados. A experiência passa, acontece e toca. Esse movimento pelas fronteiras deixou marcas nos territórios e nos viajantes-nômades-pesquisadores.


Palavras-chave


Fronteira; Pedagogia da viagem; Experiência.

Texto completo:

PDF

Referências


AGAMBEN, Giorgio. O que é contemporâneo? E outros ensaios. Chapecó, SC: Argos, 2009.

GOMES, Silvia Toledo. Eu, Tu, Ele... Nós outros: fronteiras, diálogos e novas identidades. In.: Revista eletrônica da Associação dos Geógrafos Brasileiros. Seção Três Lagoas, v.12, p.2, 2010.

DELEUZE, Gilles. O abecedário de Gilles Deleuze. Entrevista com Gilles Deleuze. Editoração: Brasil, Ministério da Educação, TV Escola, 2001. Paris: Éditions Montparnasse, 1997.

DELEUZE, Gilles. O ato de criação. Trad. José Marcos Macedo. Palestra conferida em 1987. In: Edição Brasileira: Folha de São Paulo, impressa em 27 de junho de 1999 [1987].

Deleuze, Gilles. Diferença e repetição. São Paulo: Graal, 2006.

DELEUZE, Gilles; GUATTARI, Félix. Mil Platôs – Capitalismo e Esquizofrenia. Vol. 1. Rio de Janeiro: Editora 34, 1995.

DELEUZE, Gilles; GUATTARI, Félix. Mil Platôs – Capitalismo e Esquizofrenia. Vol. 4. Trad. Suely Rolnik. Rio de Janeiro: Editora 34, 1997

DERRIDA, Jacques. Espectros de Marx: o estado da dívida, o trabalho do luto e a nova Internacional. Trad. Anamaria Skinner. Rio de Janeiro: Relume-Dumará, 1994.

DERRIDA, Jacques. Anne Dufourmantelle convida Jacques Derrida a falar da hospitalidade. São Paulo: Escuta, 2003.

GRINOVER, Lúcio. Comunicação e sociedade: A comunicação e a hospitalidade em territórios urbanos. In: XXVI Congresso da INTERCOM, 2003, Belo Horizonte, MG, p.1

GUATTARI, Félix; ROLNIK, Suely. Micropolítica – Cartografias do desejo. Petrópolis: Vozes, 1986.

BONDÍA, Jorge Larrosa. Notas sobre a experiência e o saber da experiência. In: Revista Brasileira de Educação. N. 19, 2002. Disponível em: .

OLIVEIRA, Jelson. Filosofia da viagem. Curitiba: Editora Champagnat, 2013.

PASSOS, Eduardo; KASTRUP, Virgínia; ESCÓSSIA, Liliana da (Orgs.). Pistas do Método da Cartografia: Pesquisa-intervenção e Produção de Subjetividade. Porto Alegre: Sulina, 2009.

PASSOS, Eduardo; KASTRUP, Virgínia; TEDESCO, Silvia (Orgs.). Pistas do Método da Cartografia: A experiência da pesquisa e o plano comum. Vol. 2. Porto Alegre: Sulina, 2014.

PETERS, Michael. Pós-estruturalismo e filosofia da diferença: uma introdução. Belo Horizonte: Autêntica, 2000.

ROCHA, Eduardo; AZEVEDO, Laura Novo de; ALLEMAND, Débora Souto; HYPOLITO, Bárbara de Bárbara; TOMIELLO, Fernanda. Cross-Cult: Desenho Urbano/Urban Design – Pelotas/RS e Oxford/UK. Pelotas: UFPel, 2016.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

InSitu – ISSN 2446-9696

Indexadores: DOAJLatindex ERIH PLUS | REDIB | Sumários.org | Diadorim | CiteFactor 

Licença Creative Commons